Palco Giratório apresenta “Ledores no Breu” em 5 cidades catarinenses


06/06/2017 - Atualizado em 16/06/2017 - 342 visualizações

A peça “Ledores no Breu”, da Cia do Tijolo, de São Paulo, chega a Santa Catarina pelo Circuito Nacional Palco Giratório 2017. O espetáculo inspirado no pensamento e na prática do educador Paulo Freire e nas obras do poeta Zé da Luz e do ficcionista Guimarães Rosa, tem apresentações gratuitas, seguidas por bate-papo com o grupo, em Tijucas (12/06), Brusque (14/06), Rio do Sul (16/06), Lages (18/06) e Urubici (20/06). A peça não recomendada para menores de 14 anos. A programação detalhada pode ser consultada ao clicar aqui.

O espetáculo trata das relações entre o homem da leitura, das letras e do mundo ao seu redor. A trama traz histórias que acompanham tantos leitores na escuridão e analfabetos em pleno século XXI, seres que percorrem distâncias para elucidar suas dúvidas, seus erros e seus crimes. Um homem que por não poder ler as letras comete um crime contra seu amor e contra si mesmo; outro homem que desperta para as artimanhas e dubiedades da palavra ou alguém que reinventa o afeto a partir das letras que formam um nome. Personagens que a partir de suas relações com as letras e as palavras têm suas vidas profundamente transformadas.

Sobre o grupo:
A Cia. do Tijolo foi criada em 2008 pelo ator Dinho Lima Flor, que desejava mergulhar na vida e obra do poeta Patativa do Assaré. Partindo daí, chegaram outros artistas. Do encontro surgiram os primeiros impulsos da companhia, o show Cante lá que eu canto cá e o espetáculo Concerto de Ispinho e Fulô. Depois vieram outros encontros com outros pensadores e artistas. Em seguida veio o musical Cantata para um bastidor de utopias, inspirado no livro Mariana Pineda, de Federico García Lorca, e em 2016 o espetáculo “O avesso do claustro”, inspirado na vida de D. Helder Câmara e Paulo Freire, que serviu de norte para a criação de Ledores no breu. São oito anos de existência buscando caminhos nos quais política, poesia e música sejam novamente capazes de construir experiências alternativas ao discurso dominante.

Sobre o Circuito Nacional Palco Giratório:
Em sua 20ª edição, o Palco Giratório, projeto nacional do Sesc já consolidado no cenário cultural brasileiro, conta com a participação de 20 companhias, que somarão 685 apresentações artísticas e 1.188 horas de oficinas teatrais. Até o final deste ano, o projeto visitará 144 cidades em 26 estados e no Distrito Federal, com espetáculos, seminários e intercâmbios artísticos, percorrendo todo país e contribuindo para uma política de descentralização e difusão das produções cênicas. A cada ano, novos grupos teatrais são avaliados para entrar no projeto, em um trabalho que envolve técnicos da área de cultura do Sesc em todo país.

Ficha técnica

Direção: Rodrigo Mercadante
Assistente de direção: Thiago França
Elenco: Dinho Lima Flor
Dramaturgia: Dinho Lima Flor e Rodrigo Mercadante
Cenário e figurino: Dinho Lima Flor
Criação de luz: Milton Morales e Cia. do Tijolo
Orientação corporal: Joana Levi
Produção: Cris Rasec e Cia do Tijolo
Produção e difusão: Thaís Teixeira
Em Cartaz Empreendimentos Culturais
Registro Bruta Flor Filmes
Câmera de registro: Bruna Lessa Cacá Bernardes e Mirrah Iañez
Fotografia de divulgação: Alécio Cezar
Gênero: Drama
Não recomendado para menores de 14 anos
Duração: 70 minutos



0 Comentários


Deixe seu comentário

* Seu comentário será publicado após avaliação por moderador do SESC-SC
Sesc-SC • Todos direitos reservados © Sesc-SC • Acessibilidade (shift+alt+y) • Produzido por DNAnet

O Sesc-SC utiliza cookies e tecnologias semelhantes para fornecer recursos essenciais na proteção de dados.
Ao continuar navegando nesta página, você concorda com nossas .