A gastronomia funcional


11/07/2017 - Atualizado em 17/07/2017 - 1151 visualizações

O analista de Saúde do Sesc em Santa Catarina, Henrique Cortat, compartilha conosco um artigo sobre um assunto muito importante: a gastronomia funcional. A busca por bem-estar é uma caminhada que exige mudança de hábitos e conscientização sobre o que é ser saudável. Aproveite as nossas delícias, no cardápio do almoço, da "Quarta Saudável" nos Restaurantes Sesc, no cardápio do almoço, com pratos vegetarianos, ingredientes funcionais e preparações ricas em fibras. 

Leia o artigo e saiba mais sobre o assunto. Conheça as instalações e os serviços de Saúde do Sesc em Santa Catarina. Informe-se no espaço Relacionamento com Clientes do Sesc mais próximo sobre as possibilidades e marque a sua consulta em nossas clínicas. Mais informações
clique aqui.

A gastronomia funcional

Qualidade de vida e hábitos saudáveis são alguns dos temas mais discutidos atualmente. A busca por bem-estar é uma caminhada que exige mudança de hábitos e, principalmente, uma conscientização sobre o que é ser saudável. E um tema que permeia os principais processos dessa caminhada é a alimentação e seus ingredientes funcionais. Mas afinal, o que são alimentos funcionais e de que forma eles impactam nessa busca por hábitos mais saudáveis?

A gastronomia funcional abrange ingredientes que possuem propriedades que favorecem e auxiliam no funcionamento do corpo humano, e não aqueles que alimentam sem nutrir. Os alimentos de forma geral, quanto menos manipulados e processados, serão mais benéficos ao organismo. As fibras, por exemplo, são essenciais para manutenção do corpo e sistema digestivo, e estão presentes em frutas, sucos naturais, farinhas integrais, cereais, legumes e verduras, portanto são as melhores fontes de fibras comparadas aos produtos refinados, manipulados e processados. Ao preparar uma refeição com maior variedade de cores dos ingredientes, resulta em um prato com diversos tipos de nutrientes que auxiliarão na saúde e mente de quem consome. E as gorduras “boas”, aquelas que não prejudicam o organismo, presentes em castanhas, frutas, peixes e cereais são essenciais para proporcionar bem-estar ao indivíduo.

A restrição total de glúten e lactose (salvo os alérgicos) na alimentação, por exemplo, é uma estratégia muito utilizada em mudanças de hábitos. Porém é necessária uma reflexão a respeito do seu consumo excessivo e elaborar formas de inserir esses itens em uma refeição mais equilibrada. Portanto, qual é o alimento que possui glúten ou lactose que está sendo consumido? O processado ou o natural?

Linhaça, aveia, abacate, castanhas, frutas, verduras e legumes variados, são apenas alguns ingredientes estão frequentemente presentes em listas de compras de muitas pessoas que procuram uma alimentação mais saudável. Ao optar por este estilo de vida é necessário entender sobre o que esses alimentos trazem consigo e de que forma eles auxiliam ou prejudicam a saúde de quem consome. Quanto menos fresco e mais processado for o ingrediente que compõe uma refeição, menos benefícios ele trará. Em contrapartida, quanto maior o frescor e integridade do alimento, maior serão os benefícios que ele ofertará.

A mudança dos hábitos alimentares é um processo que, antes da montagem do cardápio, é necessário refletir e compreender os papéis desses alimentos no organismo. E dessa forma, construir uma consciência de que uma vida mais saudável é o equilíbrio entre o prazer de comer, hábitos de consumo e a escolha dos ingredientes que mais contribuem para o bem-estar.

Colaboração: Henrique Cortat, analista de Saúde do Sesc em Santa Catarina.




1 Comentários

Andrea

19/03/2023 De grande relevância essa nota de gastronomia saudável. Pois faço graduação em gastronomia pela Universidade do meu Estado Pará. Uepa

Publicado à 1 ano


Deixe seu comentário

* Seu comentário será publicado após avaliação por moderador do SESC-SC
Sesc-SC • Todos direitos reservados © Sesc-SC • Acessibilidade (shift+alt+y) • Produzido por DNAnet

O Sesc-SC utiliza cookies e tecnologias semelhantes para fornecer recursos essenciais na proteção de dados.
Ao continuar navegando nesta página, você concorda com nossas .