A importância da apresentação pessoal no ambiente de trabalho

A apresentação pessoal é fundamental para a vida seja no ambiente familiar, social ou profissional. É importante que sua imagem esteja alinhada com os valores e objetivos que quer transmitir, principalmente no ambiente corporativo.

De acordo com a consultora de imagem Aninha Moretti, considera-se uma boa apresentação quando existe uma empatia com nosso interlocutor. O vestuário é mais uma forma de comunicação. “Estilo é uma característica que nos individualiza e no ambiente profissional é adequado entender a cultura, nível de formalidade entre outros detalhes. No Sesc o estilo Casual Profissional é bem recebido, pois transmite a informação de competência, acessibilidade, cooperação, flexibilidade e descontração”. Esse estilo contempla peças como jeans escuro, sarja, camisas, camisetas polo, jaquetas, blazers e peças de alfaiataria.

Mas tendo em vista que temos vários setores, cargos e unidades, como adequar os diversos estilos ao ambiente profissional?  Segundo Aninha, este é um ponto fundamental. “Para os colaboradores que não precisam usar uniforme, é sempre bom dar uma atenção aos materiais têxteis das peças do vestuário e ter cuidado com a manutenção, para se apresentar em bom estado de conservação. Dependendo da formalidade do cargo, se o colaborador tem compromissos fora do ambiente profissional, como reuniões, viagens e eventos, é ainda mais importante estar atento ao figurino.  “Os gestores, por exemplo, são aqueles que motivam, direcionam, buscam resultados satisfatórios das suas equipes, por isso sempre sugiro a esses profissionais que tenham uma atenção extra na maneira de se vestir, para ser exemplo aos demais”.

Para adequar o seu estilo ao ambiente corporativo de forma mais econômica, a consultora sugere investir e colocar em uso peças atemporais, cortes clássicos e tradicionais, cores neutras, tecidos de qualidade para que consiga fazer uma multiplicação de looks corporativos de forma consciente e a partir dessas peças coringas, inserir detalhes que possam evidenciar o estilo pessoal sem exageros.

Mas quando o assunto é o que deve ser evitado, é preciso ter bom senso. “Quando se trata de proibições sempre surgem polêmicas. Mas vale salientar que decotes profundos, transparências, estampas exageradas, calçados em mau estado, lingerie a mostra e excesso de acessórios devem ser evitados”.

Confira abaixo algumas dicas da especialista:Aninha Moretti

“Cada pessoa possui características físicas distintas e isso deve ser respeitado. Para mulheres de quadril que se destaca, prefira calças e saias nas cores uniformes. As blusas podem ser com listras horizontais e decotes canoa. Nos acessórios, busque colares que tragam a atenção para o colo e evite pulseiras volumosas, que ao caminhar chamem atenção ao quadril.

Quando o ombro se destaca mais que o quadril prefira as peças lisas nas blusas e decotes em V ou U, colares alongados, nesse caso pulseiras chamativas são boas opções, estampas nas calças e saias são permitidas além de modelagens mais volumosas para equilibrar a silhueta. Para as mulheres é sempre interessante ressaltar a região da cintura, caso esteja com corpo mais saliente existem modelagens que valorizam o corpo como, por exemplo, um vestido ou blazer com um bom corte.

Para os homens é interessante ressaltar a região dos ombros e tórax, caso esteja com a barriga saliente, evite também listras horizontais. Calças com sobra de tecido na barra achata a silhueta, bolsos laterais alargam e proporciona um volume desnecessário. O blazer mesmo com informação casual auxilia o visual ficar mais alinhado.

Gostaria de deixar como mensagem aos colaboradores do Sesc, a importância do autoconhecimento. Entender as preferências pessoais ajuda a estabelecer um estilo único. Existem muitas tendências, pois a indústria da moda é muito veloz, mas não é preciso acompanhar e consumir tudo que nos é apresentado para estar elegante. Mas sim, saber o que se encaixa no estilo pessoal, estilo de vida, rotina, adequado ao ambiente de trabalho, tipo de corpo e orçamento.”

Para conhecer o trabalho da Aninha, acesse www.aninhamoretti.com
A profissional esteve conosco na última Sipat no DR, palestrando sobre este tema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *